• Mariana Tripode Advocacia

CARTILHA PARA HOMENS

Atualizado: 21 de Jul de 2020



A publicação é entregue ao público masculino, após os atendimentos psicossociais pelo Núcleo de Assessoramento sobre Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher (Nerav). Há, ainda, uma versão eletrônica.


O Núcleo de Assessoramento sobre Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher (Nerav), do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT), publicou a Cartilha para Homens, uma iniciativa que visa provocar uma reflexão no público masculino sobre violência doméstica e de gênero, assim como apresentar a legislação que trata do tema. 


O documento traz um histórico da Lei Maria da Penha; a influência do machismo na violência contra as mulheres; os tipos de violência caracterizadas na legislação; as medidas protetivas de urgência; e informações sobre a rede de proteção. Além disso, são apresentadas atitudes práticas que ajudam a evitar a violência nos relacionamentos. O informativo também se propõe a ajudar os leitores a refletir sobre a construção de novas formas de relacionamento, baseadas no diálogo e na construção de um novo modelo de sociedade equitativa de gênero. A publicação é entregue após os atendimentos psicossociais pelo Núcleo, mas considerando a importância de disseminá-la aos serviços da rede governamental e não governamental, o Nerva disponibilizou, ainda, uma versão eletrônica, que pode ser acessada neste link. Histórico O Dia do Homem é celebrado em 15 de julho desde 1992, no Brasil. A ideia é conscientizar a população masculina sobre os cuidados que devem ter com a saúde física e mental, o que envolve também os relacionamentos. No TJDFT, o Nerav é a unidade responsável pelo atendimento de mulheres, homens, crianças e adolescentes envolvidos em processos de violência doméstica. A ação faz parte da campanha "Com respeito, sem violência", do Núcleo Judiciário da Mulher. Fonte: Correio Braziliense



4 visualizações0 comentário